quinta-feira, 7 de agosto de 2008

Fluminense 3 x 1 São Paulo. O leão está ressurgindo!

.
Mensagem postada no blog do João Garcez na tarde de quarta-feira.
.
"Helio Qua, 06/08/08 18:50 "
.
"Caro João e demais amigos tricolores,
.
Hoje acordei com um bom presságio. Vamos ganhar do São Paulo. Alguns dos craques do passado irão se incorporar nos do presente e aí, apesar do Renato e do Fabinho, o Fluzão ressurgirá das cinzas. Vai ser um jogo duro. Poderia ser mais fácil se tivéssemos um técnico no lugar do boleiro empresário, pois certamente teria alternativa para esse meio campo. Aliás, para substituir o Fabinho qualquer alternativa é melhor. Três zagueiros, por exemplo, com o Roger na sobra. Mas mesmo assim vamos ganhar. Quem acreditar pode ir ao Maracanã para comprovar. Assistirei pela televisão, pois não posso quebrar minha promessa: jamais voltar aos estádios enquanto o Fabinho for escalado de saída. E a garotada sub-15? Bicampeã mundial, com sete vitórias em sete jogos, ganhando inclusive do Manchester United em seu próprio estádio. A diretoria deve estar esfregando as mãos: mais mercadoria a ser vendida a preço de banana. É isso aí.
Forte abraço".
.
Consumou-se a premunição. O Fluminense venceu e com categoria. Ainda que considerando as declarações do Murici de que o São Paulo teria jogado a pior partida do ano, o fato é que o nosso tricolor apresentou-se bem melhor que nas últimas partidas.
.
Não foi nem preciso a incorporação dos antigos craques. Bastou o Renato parar de inventar.
Cada um no seu lugar, jogando o seu feijãozinho com arroz e alguns craques para dar o tempero.
.
Nas entrevistas após o jogo não houve clamores por reforços, passes de mágica e outras baboseiras. Querer sempre ser o máximo à custa do menosprezo dos demais é uma atitude que nunca deu certo. Agora que a porta está arrombada, parece que o Renato aprendeu a lição. Tomara que vá aplicá-la em outro clube e deixe o Fluzão em paz.
.
Poderia ter sido assim desde o início. Ainda mais porque esse negócio de por culpa em janela européia é pura falácia. O time até agora só perdeu dois jogadores: Gabriel e Cícero. Os Thiagos estão na Seleção Olímpica. O Neves cotado para ser reserva de focas amestradas e o Silva por incompetência ou "puxa-saquismo" da diretoria, pois o clube não tinha obrigação de cedê-lo.
.
Futebol é assim. Muito simples. Sem invenções, sem proteções descabidas, os resultados são alcançados.
.
Esperemos que alguém do comando do clube enxergue que não dá mais para escalar Ygor para atender interesses de empresários. O time é muito melhor sem ele. E tem sido melhor até com o Fabinho. Isso deve bastar para certificar o atestado de incompetência para quem o indicou e quem o contratou. A brincadeira custou o Campeonato Estadual, a Libertadores e o Campeonato Brasileiro. E não foi por falta de alerta.
.
Essa realidade deveria bastar para fazer com que aqueles que defendem a permanência do técnico boleiro refletissem um pouco mais. Durante grande parte do ano, o Fluminense teve o melhor elenco do Brasil. E o que ganhou? Um vice-campeonato, perdido para uma equipe infinitamente inferior.
.
RENATO DEIXE A VEZ PARA OUTRO. O SEU TEMPO NO FLUMINENSE JÁ PASSOU!
.
----------------------------------------------------------------------------------Destaque para o bi-campeonato mundial sub-15. Sete jogos, sete vitórias: Eintrarch Frankfurt - Alemanha (1 x 0), Shizuoka - Japão (7 x 0), Green Town - Chile ( 3 x 0), Honka - Finlândia (4 x 1), Manchester United - Inglaterra (2 x 0), Basel – Suíça (4 x 1) e a grande final: Atlas Guadalajara – México (2 x 0).
.
Após a conquista, o gerente das categorias de base, Bruno Costa, atribuiu o sucesso ao apoio dado pelo presidente Horcades, Branco e Tote Menezes, sem os quais nada disso seria possível. "Hoje temos profissionais de altíssimo nível aqui em Xerém e conseguimos realizar um ótimo trabalho", declarou.
.
A torcida tricolor espera que essa safra atinja a maioridade brilhando pelo Fluminense e não seja dizimada por 30 moedas como vem acontecendo com as gerações reveladas em Xerém, como os gêmeos Rafael e Fábio, hoje destaques no site oficial do Manchester United.

3 comentários:

tricolor paulista disse...

mais uma vez vi meu são paulo perder para o seu eterno freguês. dessa vez não estive no Maracanã. acho que o fluminense tem um bom time e soh estah no fim da tabela por sua própria desorganização. depois da eliminação do são paulo acompanhei os jogos com o boca e a LDU. mesmo não estando tão envolvido como vocês cariocas, acho que o time com um técnico mais experiente e menos mascarado teria sido campeão da libertadores. Foi muito oba-oba. naum tenho nada com isso, o problema eh de vocês, soh espero que também ganhem do Gremio aih no rio de janeiro.

Helio R.L. disse...

Caro Paulista,
Esse negócio de fregues é cíclico. Parece que agora a coisa está virando a favor do Flu, do mesmo modo que o Cruzeiro ganhou duas vezes seguidas do Fluminense, depois de perder sete. Quanto ao Renato, só mesmo uma diretoria acéfala para aguentá-lo. Pode ficar tranquilo, meu caro, vamos ganhar do Grêmio e de lambuja do Coritiba e do Urubu, apesar do Renato.
Saudações Tricolores

Pedro disse...

Pedro escreveu:

Como já foi falado.... o grande "segredo" do Flu foi o Renato não inventar moda.

Quando eu vi a escalação do time antes do jogo, tinha certeza que o time jogaria melhor. Confesso que não esperava uma vitória, afinal o adversário era o poderoso e embalado São Paulo. Mas tinha a certeza que com este 4-4-2, (mesmo com Fabinho e Romeu) o Flu venceria as partidas contra o Cruzeiro e o Inter no Maracanã.

O Renato finalmente escalou um 4-4-2, com dois laterais jogando nas laterais (Carlinhos e Junior Cesar), dois "volantes" da marcação, e dois atacantes de ofício (Somália e Washington), Tartá na sua posição original, ajudando o Conca na armação de jogadas. Só isto! Feijão com arroz simples.

E não sou só eu quem está falando. Vejam o link: http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Times/Fluminense/0,,MUL715228-9866,00-WASHINGTON+COMEMORA+O+FIM+DAS+IMPROVISACOES+NA+EQUIPE+TRICOLOR.html

É só o Renato parar com estas idéias de prof. Pardal. Nada de Maurício ou Sandro na lateral, nada de Tartá como atacante, nada com o Arouca armando jogadas, e nada de deixar jogador que não está afim de jogar em campo(Dodô).
Resumindo: é só não inventar!
Mesmo sem os Thiagos (na seleção), sem Cícero e sem Gabriel (negociados) e sem o Arouca (contundido), o Flu sem invenções ainda é uma time competitivo.
Só para finalizar: O nosso colega tricolor paulista pode ficar tranqüilo, pois se o Renato não inventar nenhuma outra moda, o Flu bate o Grêmio no Maracanã.

Saudações Tricolores!