terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Cadê as estrelas?


Devolvam as nossas estrelas!
                                                       
A mentalidade conservadora da maioria de seus conselheiros impede que o Fluminense ostente em sua camisa a representação de sua maior glória: as quatro estrelas do tetracampeonato nacional.

Logo após a conquista do quarto título perguntei a uma representante da Adidas quando seria lançada a versão da camisa com as quatro estrelas.

Decepção total ao saber que a fornecedora não poderia colocar a quarta estrela por exigência do estatuto do clube que estabelece apenas a presença das três referentes aos tricampeonatos estaduais.

Mais tarde, Carlos Eduardo Moura, gerente de Marketing da época, em entrevista ao “SporTv News” afirmou que: “para ter uma quarta estrela e mudar o significado dela, teria que submeter ao conselho, o que demandaria muito tempo, sem falar na escala de produção da nossa fornecedora que teria que se adaptar ao novo padrão”. (Sic)

Embora entenda a posição do Conselho de querer exaltar os três tricampeonatos conquistados na fase áurea do futebol carioca, sem dúvida o mais importante do Brasil e a maior vitrine para o desfile de craques, é preciso ter-se em mente que hoje nosso estadual não passa de um arremedo de campeonato de várzea, comandado por gente que age exclusivamente em função de seus interesses próprios.

Os desempenhos pífios dos clubes cariocas em todas as divisões do Campeonato Brasileiro atestam o mal que a atual administração da Federação faz aos clubes.

Além disso, se o Estatuto exige a presença das três estrelas, o fato do uniforme atual não exibir nenhuma também não fere a regra? Existe justificativa?

Continuar prestigiando a farsa de um campeonato falido em detrimento de conquistas maiores não me parece uma decisão inteligente e posso afirmar com grande chance de acertar que a maioria dos tricolores gostaria de ver estampadas as quatro estrelas no uniforme tricolor, pelo menos até que outro título de maior expressão possa a vir substituí-las.  

Quem sabe o novo Vice-Presidente de Marketing não resolva trabalhar em prol da mudança?

E DÁ-LHE FLUZÃO!

----------------------------------------------------------------------------------------------


Highlights da Florida Cup!


· Boa dinâmica de jogo, calor no campeão ucraniano e empate injusto na estreia geram otimismo no Flu.
            Eduardo Baptista comemora versatilidade de suas peças e entende resultado injusto.                            

É, parece que vi outro jogo.

·        Repetição de filme - Tal como no ano passado, Fred chega contundido e fica de fora dos jogos. Para o ano, se o clube voltar à Disney, talvez seja melhor deixa-lo no Brasil fazendo reforço muscular. Muita grana para passear.

·   Ataque com Marcus JR, Osvaldo, Scarpa fará gol em alguém? Pelo que tem demonstrado e pelo que custou, Baptista deveria experimentar o Richarlison ao lado de Fred.

·    Wellington Nem está mal. Se vier, vai precisar trabalhar muito para voltar à antiga forma.

·         Gum e Pierre. Coisas do Eduardo Baptista.



Nenhum comentário: